fev
8
2009

“Ler é um Ótimo Exercício”


Apesar do título não ser nada original – o que recomendo que meus alunos de redação NÃO façam -,  é uma verdade literal. Sou um amante da leitura, e leio, em média, de 30 a 35 livros por ano; menos do que eu gostaria. Mas como leio (livros) apenas antes de dormir, está de bom tamanho, até porque, a média mundial de livros por habitante é de 20 por ano.

Durante o dia me concentro em manter-me atualizado, com revistas, jornais, internet, etc… Sempre gostei de ler, mas, desde 2005, criei o hábito de ler antes de dormir, e não largo mais. A partir de então, comecei a observar algumas mudanças: minha concentração aumentou, passei a absorver mais conteúdo do que lia, minha memória melhorou sensivelmente, passei a lembrar facilmente das coisas que leio, resgato da minha memória com tanta rapidez que me surpreendo, às vezes. Isso ajuda muito na minha profissão, tanto como professor, como palestrante e consultor.

Estou relatando isso, assim como faço diversas vezes em minhas aulas, para que as pessoas possam entender os benefícios que a leitura proporciona. Para incentivar as pessoas a ler mais. Para estimulá-las. É importante. O Brasil tem um índice muito baixo de leitores e isso precisa mudar. Há alguns anos li que no Brasil, pelo menos na época, existiam 3.000 boas livrarias – em todo o país – a mesma quantidade de livrarias de Paris, não falei na França, falei em Paris, só em Paris. Bom, não é atoa que o francês é o povo que mais lê no mundo.

Algumas vezes, me pegava rindo sozinho, depois que perguntava aos alunos se gostavam de ler. Aos jovens, costumava perguntar se tinham lido os livros de Harry Potter, a resposta? “Ah! fessor, tem o filme, pra quê ler o livro?” É, tem o filme. Nada contra, sério, adoro filmes, e posso até dizer que sou tão viciado em assistir a filmes quanto em ler livros. Mas, jamais um filme chegará aos pés de um livro. Não por culpa do diretor, pelo menos em alguns casos, mas pelo limite do tempo. 

Outra situação interessante é quando perguntam quantas páginas o livro tem. O que importa? Se você gostar do livro, do enredo, da trama, isso não vai fazer a menor diferença, pelo contrário, vai faltar página.  

Procure uma literatura que te agrade. Uma boa opção para iniciar são os livros de contos ou crônicas, histórias mais curtas, até pegar o gosto. Tenha certeza de uma coisa: você não vai se arrepender.

Abraços,

Professor Edmundo Santana

Artigos relacionados

Sobre o autor: Edmundo Santana

Diretor Geral da Canadian Corporate Coaching Group Brasil. Sócio Diretor da Advance Consultoria e Treinamentos. Consultor e Instrutor em Desenvolvimento de Pessoas. Consultor e Instrutor do Sebrae/PR. Professor de Técnicas de Redação. Fundador do Blog Professor Edmundo Santana. Autor do Livro Fazendo a Diferença - Aprenda Fácil Editora

Leave a comment